Jorge Bispo e seu projeto de fotografia à distância que dribla a pandemia

Letícia Fiuza - Luana Cardoso
- Vitória Castro

        Jorge Bispo é um fotógrafo brasileiro nascido em 1975 no Rio de Janeiro. Jorge vem de uma família de diretores e atores de teatro, portanto desde muito cedo, já teve contato muito próximo com a arte. Na adolescência o seu interesse pela fotografia se manifestou quando começou a registrar as produções teatrais da família. Graduou-se em artes plásticas na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) e hoje, aos 46 anos, é um fotógrafo renomado.
        Conhecido por ser retratista e fotografar perfis de várias celebridades, Jorge Bispo conseguiu revolucionar ainda mais, realizando ensaios fotográficos por vídeo chamada. Nem a pandemia e o isolamento social foram capazes de apagar o brilho e criatividade do artista que começou a trabalhar a distância usando recursos do próprio computador e do celular.

Jorge Bispo, 2020.jpeg
O fotógrafo Jorge Bispo com a sua ferramenta de trabalho: o celular | Foto: Reprodução/Instagram

       Segundo Bispo, a ideia surgiu pelo uso constante da ferramenta Facetime para se comunicar com amigos próximos e familiares no período de isolamento em que os artifícios virtuais se tornaram indispensáveis para a interação entre as pessoas.

       “Surgiu naturalmente, por causa do distanciamento e por ter um irmão que mora fora do país. Tenho o hábito de falar com ele e com amigos por Facetime e, eventualmente, eu printava uma tela para guardar, ou tirava uma foto, no caso do Facetime, que tem um botão de disparo de foto. Era muito mais como recordação, uma lembrança, uma coisa natural.”
 

      A partir daí, Jorge começou a utilizar o recurso, antes usado apenas como uma forma de guardar uma memória, para fotografar pessoas profissionalmente de maneira remota. O projeto, que começou como uma experiência, ganhou fama nas redes sociais e foi batizado de “Retratos Online”. Cada um na sua casa, em seus ambientes mais confortáveis e de forma bem natural Jorge Bispo fotografa e dirige o ensaio.

       Junto de seu convidado, o fotógrafo escolhe o melhor local com luz e enquadramento mais adequados e, assim, dirige a foto. Do outro lado da tela, o modelo segue as instruções dadas por voz na chamada. Ambos afastados, porém próximos e em sintonia para o melhor resultado, que na maioria das vezes rende fotos muito interessantes, sob um ponto de vista minimalista, contemporâneo e sem grandes produções.
       O projeto “Retratos Online” já fotografou mais de 30 pessoas e se mostra como uma técnica criativa que serve de inspiração para outros profissionais que desejam seguir fotografando em meio a pandemia sem perder a beleza, a originalidade e a autenticidade de seus olhares fotográficos.

unnamed.jpg
unnamed (1).jpg
Atrizes como Mariana Ximenes e Débora Falabella posam para Jorge Bispo à distância | Foto: Reprodução/Instagram
Hairton, 2020 | Foto: Reprodução/Instagram
unnamed (2).jpg
unnamed (3).jpg
Sayonara, 2020 Foto: Reprodução/Instagram
Bianca, 2020 | Reprodução/Instagram
unnamed (4).jpg
Débora e Gustavo, 2020 | Reprodução/Instagram
unnamed (5).jpg
Naína, 2020 | Foto: Reprodução/Instagram

Outras publicações

LuisaDorr_SaulTiff.jpg